Todas as Notícias

30/10/2019

MOMENTO TRIBUNA:Rodrigão fala da situação da Santa Casa de Louveira

         Abrindo seu pronunciamento na tribuna, o vereador Rodrigão (PSD) parabenizou os servidores municipais pela  passagem do Dia do Servidor Público e também a Secretaria de Serviços pelo serviço realizado no bairro Abadia, atendendo a população da região. "Com a chuva, a ponte estava caindo e a Prefeitura resolveu essa situação", disse.  E também parabenizou a Guarda Municipal e as polícias Militar e Civil, " que estão fazendo grandes apreensões e comandos em nosso município, inibindo pessoas que estão amedrontando o nosso povo".

       O parlamentar utilizou grande parte do seu tempo para falar sobre a situação financeira da Santa Casa de Louveira, que tem uma dívida de quase R$ 1 milhão.  "A Prefeitura passa 1,8  milhão por mês para a Santa Casa e a Santa Casa alega que esse dinheiro não tá dando. Os gastos estão maiores. Em junho, foi feito um plano de trabalho, que foi assinado com esse valor de R$ 1,8 milhão, que daria para tocar a Santa Casa.  Se fossem feitas cirurgias, a Prefeitura pagaria por fora".

       Continuando, Rodrigão informou que segundo informações passadas pela Santa Casa, é possível ver o crescimento do número de atendimento. "A Santa Casa é pronto-socorro, pronto-atendimento no Santo Antonio, ambulatório de especialidade, faz exames, internação e serviços", explicou. Num gráfico sobre atendimento e repasses desde 2013 o vereador detalhou a questão financeira: "Em 2013 foram 134.187 consultas e foi repassado o valor de R$ 16.740 milhões; em 2014 foram 138.226 consultas e repasse de R$ 20.522 milhões; em 2015 foram 144.603 consultas e R$ 25.329 milhões; em 2016 foram 152.495 consultas e repassados R$ R$ 25.672 milhões; em 2017 foram 163.889 consultas e R$ 24 milhões; em 2018 foram 145.887 consultas e R$ 21.921 milhões; e até agora em 2019 foram 259.995 consultas e repassados R$ 21 milhões".

        O vereador ainda ressaltou que o prefeito Júnior Finamore  já informou que será contratada uma empresa, a Fipe, para consultoria junto à Santa Casa. "O prefeito falou que essa empresa vai entrar para organizar, fazer auditoria e ajudar a administrar esse valor que é repassado hoje. Se essa consultoria chegar a observar que realmente  é preciso  mais dinheiro, creio que todos nós vereadores, e até o prefeito,  vamos repassar. Fiquei feliz que a Santa Casa aceitou. A população não pode pagar por isso. Temos condições de ter o melhor atendimento da região, serviço de primeiro mundo em Louveira".

30/10/2019

D. Nenzinha completa 90 anos com homenagem da Câmara

          Moradora de Louveira desde 1974, Adenita Zauristo de Oliveira completou 90 anos de idade no dia 20 de outubro e foi homenageada pela Câmara de Louveira com uma Moção de Congratulação proposta pelo vereador Helinho (PTB) e aprovada por unanimidade. Presente na sessão desta terça-feira, 29, com sua família, D. Nenzinha, como é conhecida, emocionou-se e mostrou-se gratificada com a lembrança.

            O vereador Helinho iniciou seu pronunciamento afirmando que nutre uma imensa gratidão pela família de D. Nenzinha. Ele destacou a amizade sincera entre suas famílias e o orgulho de conviver com pessoas honestas e unidas. Desejou, ainda, muita saúde para a aniversariante e que continue distribuindo a alegria para todos os amigos. Helinho lembrou, ainda, que sua atual esposa veio da Bahia para trabalhar na casa de um dos filhos da homenageada.

            Caetano (PTB), Clodoaldo (PPS), Luiz Rosa (MDB), Nilson Cruz (PSD), Rodrigão (PSD), Leandro Lourençon (PSDB), Priscilla Finamore (PRB) e Laércio Neris (PTB) também se pronunciaram destacando a união e alegria de toda a família.

            A homenageada que veio de Urandi, na Bahia, teve treze filhos, 32 netos e 23 bisnetos.

30/10/2019

Bamalo recebe homenagem por conquista de título estadual

            Muito trabalho, dedicação e empenho fazem da Banda Marcial de Louveira, conhecida como Bamalo, com exemplo. Assim os vereadores se referiram aos componentes da Banda, que conquistaram o título de campeã estadual de Bandas e Fanfarras no último dia 20 e, por essa razão, receberam a Moção de Congratulação e Aplausos.

         De autoria do vereador Clodoaldo (PPS), a Moção foi aprovada por unanimidade diante de um público composto em sua grande parte por integrantes da Bamalo, durante a sessão ordinária realizada na noite desta terça-feira, 29. O vereador Clodoaldo foi o primeiro a se pronunciar, parabenizando todos os integrantes da Banda, assim como da direção e do maestro Joel. Segundo o autor, a dedicação de todos nesses 28 anos de existência resultou numa das melhores bandas marciais do país, tornando-se exemplo para todos os louveirenses. Clodoaldo afirmou que atualmente mais de 60 crianças e adolescentes, entre oito e 13 anos, participam das aulas gratuitas de música e dança. O objetivo maior é a contribuição para que haja uma formação cidadã desenvolvendo o senso de responsabilidade, de solidariedade, de convivência em grupo, da autoestima e acesso à cultura.

            Em seu pronunciamento, o vereador Caetano (PTB) destacou o ensino da are da música e as participações vitoriosas em diversos campeonatos, o que felizmente torna os seus integrantes como “figurinhas carimbadas” diante de tantas conquistas. O vereador Luiz Rosa (MDB) ressaltou o conjunto bem montado que se destaca pelo empenho, agregando valor aos adolescentes e trazendo algo gratificante para a sociedade.

            Priscilla Finamore (PRB) também parabenizou os integrantes da Bamalo por todo esforço e conquista, enquanto o vereador Nilson da Cruz (PSD) afirmou que a banda é orgulho para todos os moradores e que poucas cidades têm esse destaque conquistado por Louveira. O vereador Rodrigão (PSD) elogiou o esforço coletivo para manter a Bamalo sempre atuante e participativa.

            Para finalizar, o presidente da Câmara, vereador Láercio Neris (PTB) também parabenizou todos os integrantes da Banda, destacou o apoio da Secretaria de Cultura e afirmou que a Câmara de Louveira tem sido parceira na aprovação de projetos do Executivo que destinam recursos para a manutenção da Bamalo.

30/10/2019

Câmara aprova reajuste de R$ 100 no vale alimentação dos servidores

          Os vereadores de Louveira aprovaram, na noite desta terça-feira, dois projetos que garantem o reajuste de R$ 100 no vale alimentação do funcionalismo público da Prefeitura, da Fundação de Habitação (Fumhab) e da Câmara de Louveira. Por serem poderes diferentes, um projeto refere-se ao Executivo e outro ao Legislativo. Na mesma sessão, também foi aprovada uma Resolução que determina a extinção de cargos da Câmara, duas moções de congratulações e 30 indicações de melhorais.

            Os projetos foram aprovados por unanimidade e o valor do auxílio alimentação passará para R$ 540,16 para os servidores do Poder Legislativo e para R$ 440 para os funcionários do poder Executivo e da Fumhab.

            Na mesma noite, os vereadores aprovaram a extinção dos cargos de agente administrativo e de agentes de serviços gerais da Câmara. No total, existia a previsão de 11 cargos, mas sete estavam preenchidos. Na justificativa para a extinção é que a administração optou por terceirizar a mão de obra de limpeza e conservação. Os seis agentes de serviço que ocupavam os cargos foram realocados em outras seções da Câmara. Em relação ao cargo de agente administrativo de transporte, a intenção é unificar os cargos existentes naquele setor. Os atuais servidores não perdem nenhum benefício com a extinção do cargo, que irá ocorrer somente quando eles se aposentarem ou deixaram os cargos.

29/10/2019

Câmara de Louveira sedia 1ª Semana Jurídica em novembro

          A 1ª Semana Jurídica, organizada pela Escola do Legislativo da Câmara de Louveira e a 166ª Subseção Vinhedo/Louveira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) será realizada nos dias 6, 7 e 8 de novembro no Auditório "Vereador José Chiquetto", sempre às 18h30, com entrada franca e aberta a profissionais e estudantes de Direito e ao público em geral.

          Como explicou o presidente da Câmara, vereador Laércio Neris, o evento se reveste de grande importância, tendo em vista que trará para o município renomados especialistas do Direito, que discutirão temas relevantes, fomentando a atualização e o aprimoramento deste segmento. "Nos dias atuais, as questões jurídicas ganharam grande interesse e é de extrema importância abrir espaço para o debate de forma positiva. Pela primeira vez nossa Câmara sediará um evento nesta área, com esse quadro de renomados palestrantes. Com toda certeza, será mais uma iniciativa de sucesso do nosso Legislativo em conjunto com a OAB de Vinhedo/Louveira, e convidamos a comunidade que compareça e prestigie", completou Laércio.

         Serão cinco especialistas, com ampla experiência na área jurídica, que apresentarão tópicos específicos com o objetivo de abrir o leque de conhecimento para os participantes.  Os temas serão: "Passado, presente e futuro do Direito Ambiental", "O Júri no Direito Brasileiro", "O plenário do júri e o processo eletrônico: inovações e tendências", "Atualidades sobre danos morais" e "Honorários do advogado como dano do cliente. Reflexões à reconstrução da jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça".

         Veja, a seguir, o cronograma completo de palestras:

 

Abertura - dia 6 - 18h30

Tema: "Passado, presente e futuro do Direito Ambiental no Brasil"

Palestrante: Dr. Paulo Afonso Leme Machado - bacharel em Direito pela PUCCamp, mestre em Direito Ambiental pela Universidade de Strasbourg (França), doutor em Direito pela PUC/SP, Doutor honoris causa - Vermont Law School (EUA), prêmio de Direito Ambiental "Elizabeth Haub", pelo Conselho Internacional de Direito Ambiental Bonn (Alemanha) e Universidade de Bruxelas (Bélgica).

 

Dia 7 - 18h30

Tema: "O Júri no Direito Brasileiro"

Palestrante: Dr. Tarcísio Germano de Lemos - bacharel em Direito pela PUCCamp,  vereador, presidente da Câmara, secretário de Educação, Negócios Jurídicos, comandante da Guarda Municipal e vice-prefeito de Jundiaí. Advogado criminalista, três vezes presidente da 33ª Subseção da OAB, professor de Direito Penal, Processo Penal e Introdução ao Direito da Faculdade de Direito Padre Ancheita - Jundiaí

 

Tema: "O plenário do júri e o processo eletrônico: inovações e tendências"

Palestrante: Dr. Paulo Sérgio de Oliveira - advogado criminalista, mestre em Direito pela Universidade de Franca, pós-graduado em Direito Econômico pela Universidade de Coimbra (Portugal), professor de Direito Processual Penal na pós-graduação da Universidade Presbiteriana  Mackenzie (SP).

 

Dia 8 - 18h30

Tema: "Atualidades sobre danos morais"

Palestrante: Dr. Cláudio Soares Levada - desembargador, graduado em Direito pela Universidade de São Paulo, mestre em Direito Civil pela USP e doutor em Programa de Estudos Pós-Graduados em Direito pela PUC/SP. Professor de graduação e coordenador pedagógico da Faculdade de Direito do Centro Universitário Padre Anchieta. Vice-presidente da Associação Paulista dos Magistrados.

 

Tema: "Honorários do advogado como dano do cliente. Reflexões à reconstrução da jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça"

Palestrante: Dr. Vilson Rodrigues Alves -  procurador do Estado, promotor de Justiça, juiz de Direito, advogado, mestre, doutor, PhD e pós-doutor pela Universidade Federal de Messina (Itália) e pela Universidade de Coimbra (Portugal).

24/10/2019

Câmara de Louveira e OAB reúnem especialistas na 1ª Semana Jurídica

        A Escola do Legislativo da Câmara de Louveira e a 166ª subseção Vinhedo/Louveira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) promovem, nos dias 6, 7 e 8 de novembro, a 1ª Semana Jurídica de Louveira, reunindo cinco renomados especialistas em Direito, para o debate de temas atuais e de grande impacto para a área. O evento é aberto, gratuito e direcionado a profissionais e estudantes do Direito, mas qualquer cidadão interessado pode participar.

        Durante esses três dias, sempre com início às 18h30, serão apresentados temas como Direito Ambiental, Júri, Danos Morais e Honorários, com o objetivo de fomentar discussão de alto nível e permitir que os participantes possam se atualizar sobre vários tópicos que fazem parte do cotidiano dos profissionais da área jurídica. Após a apresentação dos palestrantes, o público poderá participar diretamente com perguntas e sugestões .

         Dr. Eliel Cecon, presidente da Escola do Legislativo Comendador Walter Mazzali, destacou a importância do evento. “A parceria com a OAB de Vinhedo/Louveira é histórica e fomos prontamente atendidos pela diretoria da subsecção para a concretização deste evento. Queremos oferecer a oportunidade de reunir convidados de extrema relevância debatendo temas de grande interesse à categoria que certamente engrandecerá o conhecimento de todos os presentes”, comentou.

         Veja, a seguir, o cronograma completo de palestras:

 

Abertura - dia 6 - 18h30

Tema: "Passado, presente e futuro do Direito Ambiental no Brasil"

Palestrante: Dr. Paulo Afonso Leme Machado - bacharel em Direito pela PUCCamp, mestre em Direito Ambiental pela Universidade de Strasbourg (França), doutor em Direito pela PUC/SP, Doutor honoris causa - Vermont Law School (EUA), prêmio de Direito Ambiental "Elizabeth Haub", pelo Conselho Internacional de Direito Ambiental Bonn (Alemanha) e Universidade de Bruxelas (Bélgica).

 

Dia 7 - 18h30

Tema: "O Júri no Direito Brasileiro"

Palestrante: Dr. Tarcísio Germano de Lemos - bacharel em Direito pela PUCCamp,  vereador, presidente da Câmara, secretário de Educação, Negócios Jurídicos, comandante da Guarda Municipal e vice-prefeito de Jundiaí. Advogado criminalista, três vezes presidente da 33ª Subseção da OAB, professor de Direito Penal, Processo Penal e Introdução ao Direito da Faculdade de Direito Padre Ancheita - Jundiaí

 

Tema: "O plenário do júri e o processo eletrônico: inovações e tendências"

Palestrante: Dr. Paulo Sérgio de Oliveira - advogado criminalista, mestre em Direito pela Universidade de Franca, pós-graduado em Direito Econômico pela Universidade de Coimbra (Portugal), professor de Direito Processual Penal na pós-graduação da Universidade Presbiteriana  Mackenzie (SP).

 

Dia 8 - 18h30

Tema: "Atualidades sobre danos morais"

Palestrante: Dr. Cláudio Soares Levada - desembargador, graduado em Direito pela Universidade de São Paulo, mestre em Direito Civil pela USP e doutor em Programa de Estudos Pós-Graduados em Direito pela PUC/SP. Professor de graduação e coordenador pedagógico da Faculdade de Direito do Centro Universitário Padre Anchieta. Vice-presidente da Associação Paulista dos Magistrados.

 

Tema: "Honorários do advogado como dano do cliente. Reflexões à reconstrução da jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça"

Palestrante: Dr. Vilson Rodrigues Alves -  procurador do Estado, promotor de Justiça, juiz de Direito, advogado, mestre, doutor, PhD e pós-doutor pela Universidade Federal de Messina (Itália) e pela Universidade de Coimbra (Portugal).

23/10/2019

Câmara aprova R$ 150 mil para Banda Marcial de Louveira

          Os vereadores de Louveira se reuniram na noite desta terça-feira, 22, em sessão extraordinária para discutir o Projeto de Lei 27/2019, enviado pelo Executivo e que prevê a destinação de R$ 150 mil para a Banda Marcial de Louveira, conhecida como Bamalo. Com ausência justificada do vereador Nilson Cruz (PSD), o projeto foi aprovado por unanimidade. Uma emenda proposta pelos vereadores Marquinhos do Leite (PTB) e Rodrigão (PSD) e que reduziria o valor para R$ 50 mil foi rejeitada.

            Segundo a justificativa da Prefeitura, o valor servirá para o uso da Bamalo para os meses de novembro e dezembro, por meio de Termo de Fomento entre o poder público e a organização, que desenvolve atividades e ensino profissionalizante de música e dança totalmente gratuitos, envolvendo crianças e adultos da cidade.

O valor permitirá que a Bamalo participe do 3º Encontro de Bandas Juvenis que será realizado entre 3 e 9 de novembro na cidade de Linares, no Chile, e para a aquisição de novos uniformes. “Verifica-se que a Bamalo está colocando o nome de Louveira no cenário artístico e social internacional, gerando visibilidade e presteza aos membros da Banda e consequentemente ao município”, escreveu o prefeito na justificativa do projeto, complementando que “esta despesa extraordinária só está ocorrendo em virtude de a Bamalo ter sido campeã estadual e reconhecida no cenário musical nacional, nascendo a possibilidade de participar deste encontro internacional”.

            O projeto foi aprovado e, logo depois, entrou em votação a emenda que reduzia o valor para R$ 50 mil. O vereador Marquinhos do Leite, um dos autores da emenda, lembrou que no ano passado a Câmara havia aprovado R$ 48 mil para que a Bamalo se apresentasse em Sergipe, mas que agora a viagem é internacional. Afirmou ainda que a cidade atualmente tem outras prioridades, como na área da Saúde e que, como vereador, tem que ser cauteloso na liberação desse tipo de ajuda de custo.

            Rodrigão também se posicionou a favor de reduzir a verba de R$ 150 mil para R$ 50 mil, alegando os mesmos argumentos. Para o vereador, algumas pessoas da Bamalo o procuraram para pedir apoio, mas ele também se preocupa com o valor destinado. Segundo Rodrigão, outras modalidades culturais e esportivas também merecem o apoio do poder público e citou casos do caratê, futebol, judô e natação, que muitas vezes não conseguem nem transporte para disputar torneios no Estado.

            A emenda proposta foi rejeitada por 8 votos a 3. Dessa forma, o projeto aprovado liberou a verba de R$ 150 mil, inicialmente prevista. Presentes no plenário, integrantes da Bamalo aplaudiram a decisão.

22/10/2019

Câmara realiza audiência pública para debater Orçamento 2020

       A Câmara de Louveira irá realizar, no próximo dia 4 de novembro, às 18h30min, audiência pública para discussão do projeto 25/2019, que estima a receita e fixa a despesa do município de Louveira para o exercício de 2020. Vereadores e o público presente terão a oportunidade de apresentar suas dúvidas sobre o orçamento previsto para o próximo ano, que é de R$ 488,3 milhões, praticamente o mesmo valor orçado para este ano. O orçamento prevê em quais obras, projetos e ações serão aplicadas as verbas da Prefeitura de Louveira. A audiência acontece no Plenário Vereador José Chiquetto da Câmara Municipal de Louveira, localizada na rua Wagner Luís Bevilacqua, 35, Bairro Guembê, com capacidade para 350 lugares. A entrada é livre.

16/10/2019

MOMENTO TRIBUNA: Rodrigão destaca seu trabalho em prol do Centro de Diagnósticos

        O vereador Rodrigão abriu sua fala na última sessão lembrando o trabalho que realizou em favor da construção do Centro de Diagnóstico por Imagem de Louveira."Desde 2016 eu reuni quase 3 mil assinatura, fiz a indicação para o Prefeito e hoje está sendo realizada essa obra, de grande importância. Sabemos que nossos exames são feitos fora do município, isso gera custo de transporte e já que está sendo pago, por que não ser feito em nossa cidade? Nas vans, muitas vezes vão pessoas em estado mais avançado e quando chega no local de exame, tem de esperar todo mundo fazer seus exames para retornar para a casa. Fico feliz que vai ser realizada essa obra, onde vamos minimizar as filas de exames no nosso município".

       Continuando seu pronunciamento, o vereador destacou duas indicações. A primeira indicação trata da doação de uniformes para crianças e adolescentes participantes de projetos sociais e culturais mantidos pelo poder público municipal. O vereador solicita que seja enviado projeto pela Prefeitura, uma vez que a matéria é de iniciativa do Executivo. "Muitas empresas, hoje, investem em marketing com as suas marcas, e esse projeto permite a doação de uniformes por parte de empresas privadas, que poderão divulgar suas logomarcas nos uniformes doados", disse.

      A segunda indicação trata do programa Via Rápida de Emprego, do Governo do Estado de São Paulo, pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico Ciências Tecnologia e Inovação, que oferece cursos de qualificação profissional, de acordo com a demanda regional. O objetivo é capacitar gratuitamente a população que quer entrar no mercado de trabalho ou iniciar o próprio negócio. "É um projeto muito importante, oferece mais de 150 modalidades de cursos na área de construção civil, comércio, serviços, indústrias, transportes. Estou enviando para o prefeito, espero que tome providências a respeito".

      Rodrigão também enalteceu a passagem do Dia dos Professores, lendo um texto alusivo, em homenagem a todos os profissionais desta área. "Sabemos que hoje em dia não está fácil dar aula, estamos vendo alunos agredindo professor. Ficamos tristes, muitos professores estão afastados. Os pais têm de participar mais, o professor está lá para ensinar a ler, escrever, educar as vezes, mas a educação vem de casa. E também quero parabenizar o pessoal da Alla, conheço o trabalho de vocês, que Deus continue a iluminar vocês. Também quero parabenizar a Guarda Municipal, PM e a Civil, estão atuando muito forte na nossa cidade".

        O vereador finalizou sua fala, mencionando o pronunciamento do colega Luiz Rosa, a respeito das redes sociais. "Infelizmente, vai chegando perto da política e muitas pessoas postam fake news, pessoas mal informadas falam besteira nas redes. Sou vereador, não tenho medo, estou presente. No começo do ano fizemos duas CEIs nesta casa, da desapropriação e das creches, que eu estava envolvido, era o presidente. E esse cidadão vem batendo que essa CEI a gente arquivou, que nós vereadores não fomos prá frente com ela. Vereador Leandro, você pode explicar o que aconteceu?, indagou Rodrigão ao colega Leandro Lourençon (PSDB)

       Respondendo a pergunta, Leandro esclareceu que a CEI não foi arquivada, mas sim aprovada e encaminhada para o Ministério Público. "Que venha aqui se informar, mas não fique publicando mentiras. Nem sabemos se essa pessoa é formada ou não, mas se for, não é profissional", concluiu Rodrigão.

16/10/2019

MOMENTO TRIBUNA: Vereador Nilson Cruz reforça pedido de melhorias para a cidade

        Em sua fala na tribuna, na sessão desta terça-feira, o vereador Nilson Cruz prestou cumprimentos especiais à Escola Videira e a Alla, e ressaltou sua indicação junto ao Executivo, solicitando apoio da Prefeitura para melhorias na Delegacia de Polícia de Louveira. "A delegacia não é municipal, mas é a única que temos na cidade, e está precisando de uma reforma já faz tempo e o Estado nada de fazer. Fiz indicação,conversei com o prefeito, para fazermos o melhor para nossa cidade".  E destacou que na próxima semana deverá ter ótimas notícias para os moradores do bairro Arataba II. "Estou lutando para a van escolar descer para pegar os alunos, deixo um recado para uma das moradoras, Janaina, que estão sendo tomadas as providências. Fiquei muito feliz, estive conversando com o secretário dr. Hélio Braz, que fez um compromisso comigo, que a van escolar vai descer para o Arataba para pegar as crianças mais próximo de suas casas. Tive uma ligação agora à tarde, mas não vou afirmar ainda, mas teremos coisas boas para aquele  bairro e é prá já. Mais tardar na semana que vem vamos sentar com o prefeito para tomar algumas decisões para aquele bairro, que vão melhorar muito a qualidade de vida daquele povo".

         O vereador continuou seu pronunciamento: " Pedi para o Executivo que mande  a Lei da Anistia do IPTU, até porque o ano que vem estamos em ano eleitoral e não vão poder aprovar a Lei da Anistia. Já fiz a indicação e quero reiterar que o senhor prefeito mande o mais rápido possível para esta casa para aprovar essa lei. E no mesmo sentido que prorrogue a Lei da Anistia da Água, que estamos tendo muita procura. Também quero compartilhar com os demais vereadores, todos lembram do caso do Brendon, que além de meu amigo, era uma pessoa que aprendi a gostar muito. Ele passou pela Santa Casa mais de 20 vezes para descobrir o problema dele, que era um câncer na espinha. Esse menino veio a falecer na semana passada, acompanhei o caso. Quero reforçar a saúde de Louveira, não é desculpa, mas o paciente passando mais de 20 vezes na mesma Santa Casa e não achar uma solução para ele? É muita coisa. Que sirva de lição  para os médicos e administradores da Santa Casa, infelizmente tinha de desabafar. Aconteceu com o Brendon, mas  pode acontecer conosco, com o meu filho e o seu filho".

         Nilson aproveitou para cobrar maior agilidade na instalação dos aparelhos para diagnóstico. "O prefeito Júnior nos mostrou o que está sendo feito lá, preparando a sala. Que venha mais rápido possível. Se tivesse esse aparelho hoje, o caso do Brendon teria uma solução mais rápida", frisou o vereador.  "Também cumprimento todos os professores, por essa data importante, dou os parabéns para a professora Sonia, que já foi vereadora, abraço para todos os professores e seus colegas".  Nilson continuou seu pronunciamento abordando a questão da vacinação no município, pedindo atenção à área de Saúde. "Vieram poucas doses, sei que não é fácil, mas tenham um empenho maior para a vacina pentavalente. Muitas mães procurando essa vacina, e deixo ao secretário um pedido, que dê uma atenção especial aos moradores".

         Outro assunto abordado foi o projeto enviado pelo prefeito Júnior Finamore relativo ao valor do vale alimentação para o funcionalismo. "O auxilio alimentação vai ter um aumento, para todos os funcionários públicos, também para a Câmara Municipal. Sou um dos autores do projeto, o presidente Laércio Neres e o vereador Clodoaldo, e os demais vereadores também. Quando se fala em aumento, é muito bom, nossos funcionários merecem. Quero aproveitar e pedir que na reunião de comissão façamos um estudo melhor. Sei que não é fácil, está havendo uma diferença muito grande entre os servidores da Prefeitura  e os nossos servidores. Prefeitura  vai para R$ 420,00 e os nossos, para R$ 540,00. Mas vamos chegar num bom senso, eu acredito que tem que igualar. Temos de fazer o melhor para nossos servidores. Peço compreensão aos nossos colegas. Estamos chegando perto das eleições, daqui a pouco dá aumento para o servidor e vão falar que é troca de voto. Vamos estudar com carinho".

16/10/2019

MOMENTO TRIBUNA: Vereador Luiz Rosa destaca indicações e critica fake news

        Na tribuna da Câmara, o vereador Luiz Rosa abordou três indicações de sua autoria na última sessão. A primeira (nº 630), enviada ao Executivo pedindo o envio de projeto para a Câmara, para inclusão do ensino de Libras nas escolas municipais. A segunda (nº 631) solicitando o envio de ofício à concessionária Rota das Bandeiras, pedindo a instalação ao longo da Rodovia Romildo Prado de placas indicativas das lojas e sítios que fazem parte do Circuito das Frutas. E a terceira (nº 632),  reivindicando a limpeza e aplicação de cimento na calçada da rua Giácomo Nechio, no bairro Santo Antonio, "uma vez que a valas abertas pela Prefeitura estão fechadas com terra e isso tem trazido transtornos aos pedestres", disse.

       O vereador também aproveitou para elogiar membros da imprensa local. "Quero aqui, hoje, elogiar o jornalista Igor, do É Notícias, também os jornalistas da Folha Notícias, do Juliano Gasparini e do Jornal Tribuna, que são jornalistas responsáveis, e na questão polêmica do pedido de impeachment, o Igor me ligou pedindo para que eu esclarecesse o meu voto e eu achei muito relevante, porque é o trabalho de um jornalista sério, comprometido em trazer a notícia de forma clara. Expliquei, segundo o parecer que eu tenho do meu advogado pessoal, fiz o meu voto consciente, sem problema nenhuma, sabendo que poderia gerar polêmica e discussões, mas votei consciente do que é melhor para o município.", disse o vereador.

        Luiz Rosa também destacou: "muito diferente de alguns, que eu volto a falar com tristeza, usam redes sociais, ou a rádio peão, e dizem, não sei se são jornalistas ou não, não vi certificado, ninguém provou que seja, mas pela postura acredito que não sejam profissionais.Pode até ser formado, mas não significa que seja profissional responsável. Não teve o cuidado de pedir entrevista com o vereador para entregar uma notícia com qualidade para a população. Pode ser interesse político, não interesse politiqueiro, porque interesse político todos nos temos e lutamos pelos nossos ideais".

         E o vereador continuou: "Como vereador faço o meu voto pautado naquilo que eu tenho de leis e de bom para o crescimento da cidade. Isso eu faço havendo críticas ou aplausos. Infelizmente, pessoas mau intencionadas procuram usar redes sociais de forma indevida, uns até com fake news, expondo pessoas que nem conhecem. Tenho 30 anos de moradia em Louveira, minha vida está traquila, meus filhos formados em universidades federais, estão atuando e têm  qualidade no que fazem. Tenho tranquilidade em dizer que não tenho problema com aquilo que falo. Convido que venham no meu gabinete, que está aberto todos os dias, das 9 às 12 e das 14 às 17. Desvirtuaram uma fala minha aqui, e a Câmara está sem o áudio, infelizmente estamos sem a TV Câmara, e na ata consta o principal do que foi feito aqui, não teve como po  posicionar judicialmente com o que foi falado".

      Finalizando, Luiz Rosa reiterou seus parabéns aos veículos É Notícia, Folha Notícias e Tribuna pelo profissionalismo e responsabilidade. "São jornais que eu sei que estão presentes, trazendo notícia com a visão de quem viu, ouviu e registrou. Não daqueles que nunca apareceram aqui, fazem página falsa na Internet para poderem falar daquele que não tem prova e não é verídico. Sinto muito, é triste, mas como ouviram e distorceram espero que estejam ouvindo também para poderem pensar um pouquinho e aceitar o meu convite, venha conversar comigo pessoalmente".

        O vereador encerrou parabenizando também os professores  pela passagem pelo Dia do Professor e destacou que trabalhou para não ser incluído na grade curricular de Louveira a Ideologia de Gênero. "Não concordo por que é muito subjetivo", completou. E também parabenizou os membros da Alla, pelo lançamento de mais uma coletânea, bem como o secretário de Cultura e Eventos, Maurício Carrasco,  que estava presente à sessão.

16/10/2019

Alla lança V Coletânea e recebe homenagem da Câmara

          A Câmara de Vereadores de Louveira prestou homenagem à Academia Louveirense de Letras e Artes (ALLA) pelo lançamento, no dia 5 de outubro, da V Coletânea – Contos, Crônicas, Poesias e Artes, com produção dos acadêmicos da entidade. A Moção de Congratulações, Aplausos e Reconhecimento foi proposta pelo vereador Nilson Cruz (PSD) e aprovada por unanimidade entre os presentes.

            Segundo o vereador, o lançamento agregou os trabalhos de todos os membros da Alla, sendo um vento de sucesso. Nilson lembrou que se fez presente ao evento e prestigiou o lançamento da Academia, momento que considerou emocionante, em especial, pelo trabalho cultural desenvolvido pela entidade. Aproveitou para parabenizar todos os confrades e confreiras presentes na sessão e desejar sucesso na produção artística e cultural, incentivando as diversas formas de manifestação da difusão da arte.

            O vereador Luiz Rosa (MDB) também parabenizou a nova conquista da Alla e desejou sucesso aos acadêmicos. Por fim, o presidente da Casa, vereador Laércio Neris (PTB) destacou o excelente trabalho realizado pela Alla e lembrou a parceria assinada com a Câmara, para a reativação da Biblioteca municipal Estudante Willian Bassi, com a readequação do espaço e reabertura para o público, a fim de permitir o acesso dos cidadãos ao rico acervo existente na Câmara.

16/10/2019

Primeira e única escola cristã de Louveira recebe Moção de aplausos

        A Escola Videira, primeira e única escola cristã de Louveira, recebeu Moção de Congratulações e Aplausos na noite desta terça-feira, 15, durante a realização da 17ª Sessão da Câmara de Louveira. De autoria do presidente da Casa, vereador Laércio Neris (PTB), a Moção foi aprovada por unanimidade dos vereadores presentes e a escola elogiada pela qualidade do ensino aliada ao projeto de desenvolvimento dos ensinamentos cristãos às crianças.

         Fundada em janeiro do ano passado, a Escola Videira nasceu como opção de um ambiente escolar com formação diferenciada, aliando a intelectual e acadêmica com os princípios de formação de caráter. A metodologia aplicada é a coleção Acrescer, ferramenta de trabalho com objetivo de atender as necessidades e interesses das crianças com o desenvolvimento psicossocial, emocional, intelectual, física e espiritual, com espaços de atividades específicos. O nome foi escolhido por remeter à citação bíblica e, ao mesmo tempo, homenagear a cidade de Louveira.

           O vereador Clodoaldo (PPS) foi o primeiro a usar a palavra dizendo ser um caso de sucesso criar uma escola com tanta qualidade, num município em que quase todos aprovam o ensino público. Para ele, isso mostra a qualidade da Escola Videira, que conquistou o sucesso em tão pouco tempo de existência. Luiz Rosa, vereador do MDB, também afirmou que a Escola Videira apresenta um trabalho de excelência e que tem muito a prosperar ainda. O vereador Nilson Cruz (PSD) desejou que a escola cresça cada dia mais, mostrando os caminhos de propósitos e forjando a estrutura de caráter nas crianças. Rodrigão (PSD) também parabenizou a escola que baseia seus ensinamentos nos princípios cristãos, capaz de preparar os jovens para um futuro melhor.

          Autor da Moção, o vereador Láercio parabenizou o trabalho desenvolvido por toda a equipe da escola, em nome da diretora pedagógica Priscila Ferreira e disse que teve uma boa surpresa quando visitou a Escola Videira e encontrou ótima qualidade de ensino e muito carinho com as crianças. Ele destacou que o projeto da Escola Videira não é só voltado ao conhecimento, mas também à defesa dos princípios cristãos para a vida das pessoas, com desenvolvimento do bom caráter e respeito aos próximos e à família, capazes de criar cidadãos muito melhores.

08/10/2019

Câmara de Louveira encerra campanha de Incentivo à Doação de Sangue

         Com a participação de 23 servidores, entre funcionários e vereadores, a Câmara de Louveira encerrou no final deste mês de setembro a segunda edição da Campanha de Incentivo à Doação de Sangue, cujo objetivo é contribuir com os estoques do Banco de Sangue do Colsan,  que atende as cidades da região. Entretanto, quem ainda quiser colaborar pode se dirigir ao Colsan, já que o hemocentro necessita muito da colaboração da comunidade para manter seu atendimento.

          A campanha teve início no mês de agosto, e como explicou o presidente da Câmara, vereador Laércio Neris (PTB), "a doação de sangue é um ato de solidariedade que pode salvar vidas. Por isso é tão importante que mais e mais pessoas colaborem". E é muito fácil participar. A coleta é feita no Colsan, localizado na rua XV de Novembro, 1848, em Jundiaí. O local é de fácil acesso e tem estacionamento. É necessário que o doador apresente documento pessoal com foto, e tenha idade mínima de 16 anos (acompanhado de responsável legal) e máxima de 69 anos. Também é necessário que o doador tenha mais de 50 quilos e boas condições de saúde.

         Outra informações sobre doação de sangue podem ser obtidas diretamente no Colsan pelo telefone (11) 4521-4025.

03/10/2019

Sucesso da Festa das Tradições Nordestinas repercute na Câmara

        O sucesso da Festa das Tradições Nordestinas, promovida pela Prefeitura de Louveira em setembro, repercutiu entre os vereadores durante a sessão ordinária de terça-feira, 1º de outubro. Cinco vereadores apresentaram uma Moção de Congratulação, parabenizando a organização e todas as pessoas que proporcionaram o resgate da cultura do povo emigrante com shows, barracas de comidas típicas e outras atividades. A aprovação foi unânime e a Festa foi bastante elogiada.

         Os vereadores Clodoaldo (PPS), Helinho (PTB), Laércio Neris (PTB) Marquinhos do Leite (PTB), Nildo do Redenção (PPS), todos nascidos em estados nordestinos, assinaram a Moção de Congratulação. A festa, que está em sua sétima edição, faz parte do calendário municipal de eventos e representa uma homenagem ao povo nordestino, que migrou para Louveira e ajudou a construir e desenvolver a cidade.

      A Festa das Tradições Nordestinas, além dos shows musicais, contou com barracas de comidas típicas, entre elas tapioca, acarajé, pastel nordestino, feijão tropeiro, baião de dois, buchada de bode e sarapatel, entre outras.

     O vereador Nildo agradeceu a dedicação e empenho de todos os envolvidos, disse que a festa foi excelente, mas aproveitou a presença dos organizadores na plateia e fez uma solicitação à organização da festa: para que amplie o horário e possa durar pelo menos até a meia noite. A manifestação gerou risos na plateia e dos demais colegas. Segundo o vereador, o povo nordestino gosta de festa e, se deixar, passa a madrugada toda dançando. Assim como Nildo, que fez questão de parabenizar os barraqueiros, a vereadora Priscilla Finamore (PRB) também citou a animação dos barraqueiros e frequentadores.

Em seguida, o vereador Clodoaldo afirmou que houve muita dedicação de várias pessoas para o sucesso da festa e que apoiava a ideia do colega, em estender o horário no próximo ano. O vereador Rodrigão (PSD) também elogiou bastante a festa e destacou a importância do povo nordestino para a cidade. Segundo ele, atualmente existem mais de 11 mil nordestinos morando em Louveira e que ele sentia-se honrado em ser casado com uma nordestina. Para ele, tudo foi maravilhoso: a comida típica, os shows, os barraqueiros, o público.

       Nilson Cruz (PSD) também parabenizou e afirmou que, a cada ano, a festa fica melhor. Logo após, o vereador Caetano (PTB) usou a palavra, e também afirmou que  cada vez mais a festa está se aperfeiçoando, tornando-se uma festa familiar nordestina e que conta com o apoio de toda a cidade. O vereador Helinho (PTB) concordou com seus colegas, agradecendo a dedicação de todos os envolvidos.

        Por último, o presidente Laércio Neris lembrou que a festa foi criada em 2013 e que ele sentia-se muito contente em acompanhar o crescimento e sucesso do evento. Laércio afirmou que a Festa das Tradições Nordestinas foi uma reivindicação dos nordestinos que moravam em Louveira e que ele foi convidado e sentiu-se honrado em ser presidente do evento durante as quatro primeiras edições. Ele elogiou a coragem do prefeito Nicolau Finamore Júnior em aceitar o desafio e colocar a festa em prática.  

02/10/2019

Empresas poderão cuidar de áreas públicas em troca de publicidade

        A Câmara de Louveira aprovou por unanimidade o projeto de autoria do Executivo que cria o Programa de Adoção de Praças Públicas, Parques, Jardins, Áreas Verdes e Espaços Municipais de Esportes, Educação, Cultura e Lazer. O projeto prevê que a Prefeitura poderá fazer parcerias com empresas privadas e instituições com o objetivo de fazer a manutenção das áreas públicas, em troca de publicidade no local. O projeto foi aprovado por unanimidade na noite desta terça-feira, 1, durante a realização de Sessão Ordinária.

         Poderão fazer parte desse projeto qualquer empresa, entidade ou associação do setor privado, por meio de parceria com a Prefeitura. Os interessados assumirão, com total responsabilidade, os encargos para a realização de obras ou serviços de conservação do local que adotarem. Em troca, a lei prevê que poderão ser afixadas placas de publicidade da empresa na área escolhida. A empresa, entretanto, não poderá explorar comercialmente o local.

         Solicitado a explicar o projeto, o presidente explicou que a parceria prevê que esses locais sejam mantidos, preservados, cuidados e limpos pelas empresas que queiram adotá-los, em troca de espaços publicitários. No projeto de lei estão previstas as dimensões das placas publicitárias que poderão ser afixadas, assim como a quantidade e distanciamento entre elas.

02/10/2019

Vereadores aprovam contas da Prefeitura e rejeitam denúncia

               Os vereadores de Louveira aprovaram, durante a sessão realizada na noite desta terça-feira, 1º, as contas da Prefeitura referentes ao ano de 2017. Na mesma sessão, a Câmara rejeitou o pedido de afastamento do prefeito, não acolhendo a denúncia protocolada na Casa. Também foram apresentadas duas Moções de Congratulações, um projeto de Resolução para adequação da Tribuna Livre da Câmara e o projeto que criou o Programa de Adoção de Praças Públicas, além de requerimento de pesar e 33 indicações de melhorias para a cidade.

                O primeiro projeto votado foi o que aprovou as contas da Prefeitura. A Comissão de Finanças e Orçamento da Casa emitiu parecer favorável, concordando com o parecer do Tribunal de Contas do Estado. A aprovação foi unânime. Logo após, os vereadores votaram alteração no texto da Resolução que criou a Tribuna Livre na Câmara. Como houve alteração do Regimento Interno no primeiro semestre deste ano, houve necessidade de se adequar legalmente a redação das Resoluções.

                No final da noite, a Câmara analisou o pedido de afastamento do prefeito Nicolau Finamore Júnior, protocolizado por um grupo de pessoas junto à Casa. Conforme determina a legislação vigente, o pedido passou por análise jurídica e foi lido na sessão, ocasião em que os vereadores rejeitaram o pedido, com placar de 9 votos contrário e 3 votos favoráveis.

                O vereador Rodrigão (PSD) quis saber o nome dos autores do pedido de investigação e o solicitou que o presidente explicasse o assunto, momento em que o vereador Láercio Neris (PTB) informou que o documento havia sido encaminhado à Seção Jurídica, que opinou para que o documento fosse lido em plenário. Os vereadores votariam, naquele momento, pelo recebimento ou não da denúncia.

                Luiz Rosa (MDB) declarou seu voto contrário, dizendo que aguardaria a decisão da Justiça, pois o processo não havia transitado em julgado e que ainda cabe recurso à decisão. Para ele, é prerrogativa do prefeito a criação de cargos e do vereador, a aprovação desse projeto. Rodrigão também se declarou contrário, afirmando que seguia a Súmula 46 do STF pela qual, segundo o vereador, a legislação do município não poderia determinar o afastamento do prefeito, mas que isso cabe à Justiça. Nilson Cruz (PSD) afirmou que foi eleito para enfrentar desafios e que não se amedrontaria diante de pressão. Para ele, não cabe ao vereador atrapalhar a Justiça. Clodoaldo (PPS) também manifestou seu entendimento de que a Sumula 46 impede que os vereadores afastem o prefeito e que se houver manifestação da Justiça determinando a cassação do prefeito, a Câmara dará posse à vice.

                Marquinhos do Leite (PTB), um dos três que votou favorável à denúncia, explicou que responde processo por votar favorável à criação dos cargos e que, agora, o Tribunal de Justiça condenou o prefeito por unanimidade, razão pela qual acataria a denúncia para investigar. Os vereadores Agostinho Tardiveli e Leandro Lourençon (ambos PSDB), que também foram favoráveis, não se manifestaram. Em votação, a denúncia foi rejeitada por 9 votos a 3.

02/10/2019

Clube Bandeirantes completa 70 anos e recebe reconhecimento

        “Parabéns a todos os envolvidos que estiveram à frente do Clube Atlético Bandeirantes nesses 70 anos de existência, à diretoria Executiva, ao Conselho Deliberativo bem como às diretorias anteriores e fundadores”. Como essa frase, o vereador Nilson Cruz (PSD) registrou o reconhecimento da importância do tradicional clube em relação a atividades esportivas e sociais, ao apresentar a Moção de Congratulações durante a sessão desta terça-feira, 1. A Moção foi aprovada por unanimidade diante de representantes do Clube, que estavam na plateia.

        Nilson cumprimentou toda a diretoria presente e disse que estava honrado em ver que eles se deslocaram até a Câmara para receber a Moção. Ele lembrou que os 70 anos de existência foram comemorados durante o mês de setembro  e que o próprio nome do Bandeirantes resumia as atividades que seriam realizadas durante todos esse tempo: cuidar da diversão (clube) e da prática de esportes (atlético). O vereador recordou que até os dias atuais o Band, como é popularmente conhecido, mantém o seu legado inicial, com a prática de esportes e realização de atividades que envolvem a sociedade local.

      O vereador Caetano (PTB) também parabenizou todos que participaram e mantiveram o clube durante todo esse tempo, afirmando que o clube é anterior à emancipação do município e demonstrar a  história sobre a raiz do povo local.

      Rodrigão (PSD), que também pertence à diretoria do Band, afirmou que a homenagem é merecida, em especial todos aqueles que passaram pelas diretorias ao longo da história do clube. Ele explicou que, mesmo sendo associado, só conseguiu perceber a real dimensão da importância do clube quando foi convidado a assumir a divisão de Esportes. Ele explicou que, apesar das dificuldades financeiras antigas, o Band está sem dívidas e tem um patrimônio da ordem de R$ 20 milhões para cuidar.

      Priscilla Finamore (PTB) mostrou-se feliz pela homenagem e pelo anúncio de volta dos eventos sociais que serão realizados no clube. A vereadora classificou o Band como um patrimônio da cidade. Luiz Rosa (MDB) também enalteceu a presença do clube na vida de muitos moradores, um lugar onde só acontecem coisas boas. E o presidente da Casa, vereador Laércio Neris (PTB), enfatizou que o Band proporcionou o bem-estar e atividades à comunidade, chegando aos 70 anos com um bonito trabalho.

02/10/2019

MOMENTO TRIBUNA: Rodrigão defende suas indicações

       O vereador Rodrigão fez uso da tribuna para defender duas indicações de sua autoria, sendo que a primeira institui política em favor dos educadores municipais. "Sabemos que vem acontecendo ataques a professores, não é fácil dar aula, os alunos as vezes desrespeitam professor. Esse projeto é para que os responsáveis ajudem a desenvolver trabalho contra essa violência. Estou mandando o projeto de lei e espero que o prefeito acate", disse.

        Outra indicação propõe a criação do dia municipal de prevenção ao uso de crack em Louveira, em 26 de junho. "Solicito que o Executivo encaminhe projeto para essa Casa, pois essa droga vem destruindo pessoas, famílias". O vereador também comentou sobre a violência contra as mulheres,  bastante noticiado no país. "Por isso proponho o projeto que cria o Anjo da Guarda da Mulher em Louveira, com a atuação preventiva e  comunitária da Guarda Municipal. A implantação será articulada com Secretaria de Segurança, Trânsito, Defesa Civil, Secretaria de Promoção Social, Conselho Municipal de Proteção e Defesa do Direito da Mulher e Poder Judiciário do Estado de São Paulo. É um projeto interessante e espero que seja mandado pelo prefeito para ser aprovado nesta casa".

       O vereador também comentou sobre reivindicação dos moradores do Reserva das Videiras, por um parquinho e proteção do alambrado, na rua Marcelo Osvaldo Bigueti. E reforçou seus parabéns para a Guarda Municipal, Polícia Militar, Policia Civil, "por todo o trabalho que vem sendo feito em nossa cidade, muita apreensão de drogas, estão tirando a bandidagem das ruas", disse Rodrigão. O vereador também aproveitou para pedir o reforço do patrulhamento nos bairros Jardim Esmeralda, Cavalli, Mirante, São Francisco e Vassoural. A comunidade está pedindo."

        Rodrigão parabenizou o setor de Saúde, pelo atendimento prestado à moradora do Parque do Estado, mas pediu mais esforços para acabar com as filas de exames e consultas. "Peço ao secretário de Saúde que siga a regra, se existe fila, que siga a regra. Quando é um caso mais crítico sim, sou de acordo de ajudar, quando não é, tem de esperar". Rodrigão também destacou as vagas nas creches, tendo em vista que algumas pessoas estão com dificuldade em conseguir vagas.

02/10/2019

MOMENTO TRIBUNA: Luiz Rosa quer campanha de conscientização no trânsito

         O vereador Luiz Rosa abriu seu pronunciamento abordando sua indicação que pede a implantação de campanha de conscientização para trânsito gentil, direcionada aos  motoristas e em respeito às faixas de pedestres. "É algo simples, mas que inúmeras vezes vemos as pessoas estacionando sobre as faixas, e aí o pedestre vai atravessar e não tem o local para passar. É uma conscientização para que possamos melhorar a educação com relação ao trânsito, vejo que é bom esse respeito ao pedestre. Peço a prefeitura que implante no município essa campanha".

          Em outra indicação de Luiz Rosa solicita a construção de concha acústica e museu de memórias junto à Área de Lazer do Trabalhador. "É um local propício, para que possa ser utilizado por bandas, e evitaria custos com locação de palco.É um local turístico, muitas pessoas poderiam conhecer um pouco mais sobre o município de Louveira".

         O vereador também destacou indicação que permite que comerciantes do município possam explorar as instalações e espaços da Estação Ferroviária de Louveira. "É um local agradável, turístico, restaurado, mas ainda tem pouco entretenimento. Em outros países, a estação ferroviária tem feiras, exposições, cultura. Seria bom que Louveira também tivesse e o comerciante poderia utilizar para incrementar o uso do local".

        Encerrando seu pronunciamento, Luiz Rosa comentou sua visão pessoal sobre as críticas destrutivas. "Hoje, está comum, algo que julgo ser negativo, o brasileiro tem desejo de ver aquilo que é ruim e torce para o que está bom ficar ruim também. É desanimador. Invés de torcer para que algo bom melhore, torce para tudo ficar ruim. Não consigo entender esse espírito. Olha nas rede sociais, se tiver notícia boa, são poucos comentários. Se coloca notícia que está sendo inaugurado alguma coisa importante para cidade, visibilidade é pouca. Mas se coloca notícia de tom negativo, tem pessoa que se alegra com isso. Não é só Louveira".

        Luiz Rosa ainda destacou que, em relação à função do vereador, muitos saem nas rede sociais criticando. "Mas nós vivemos numa democracia, aquele que tem vontade de ocupar uma cadeira desta daqui, faça um bom trabalho aí fora, crie um bom nome e coloque seu nome para disputar o pleito. Quem sabe consiga ser eleito e venha representar Louveira. Mas não, quando percebe que não tem condições, parte para ataque sem fundamentação nenhuma, tentando prejudicar o nome da pessoa que está trabalhando pelo bem da cidade, sem conhecimento de causa. Nunca veio alguém no meu gabinete para perguntar sobre um projeto de lei. Mas em rede sociais a pessoa cria coragem".

         Num aparte, o vereador Laércio Neris (PTB) reforçou essa crítica do colega Luiz Rosa, alertando que muitas vezes as pessoas criticam sem conhecer a verdade dos fatos. "Desde 96 eu tenho trabalho social, e não foram poucos, dediquei meu tempo, esforço e trabalho para agregar valor à cidade", disse Luiz Rosa. "Faço por que gosto. Nenhum vereador chegou aqui sem o voto na urna. Faço um pedido, procura conhecer melhor aquilo que está sendo discutido na cidade", disse o parlamentar.  O colega Rodrigão (PSD) também se manifestou, concordando com os comentários de Luiz Rosa.

01/10/2019

"Sou Feliz com a Idade que Tenho" é tema de palestra na Câmara

        Organizada pela Escola do Legislativo Comendador Walter Mazalli, foi realizada nesta terça-feira, 1, a palestra "Sou Feliz com a Idade que Tenho" na Câmara de Louveira.  O tema foi apresentado pelo mestre e doutor pela Unicamp e professor da Unesp Afonso Machado, que abordou a questão do envelhecimento de forma lúdica e bastante descontraída, utilizando suas próprias experiências e vivências.  O evento contou com as presenças do presidente da Câmara, vereador Laércio Neris e do presidente da Escola do Legislativo, o advogado Eliel Cecon.

        Professor Afonso, que já lecionou em Louveira durante muitos anos em seu início de carreira, destacou que os jovens de hoje precisam se preparar para o envelhecimento, pois essa é uma etapa da vida que tem de ser vivida com alegria, paz e esperança. Com bastante bom humor, o palestrante abordou os problemas típicos da idade, como alterações motoras, visuais, esquecimentos e as perdas. Intercalando momentos de sua própria vida com o tema, o palestrante tornou a apresentação muito mais tocante e verdadeira.

            "O que precisamos desenvolver para envelhecer bem?", indagou o palestrante, é ele mesmo respondeu: "ter confiança em si mesmo, boas relações, uma rede de apoio, disposição para pedir ajuda e integração social". Finalizando sua explanação, dr. Afonso apresentou cinco dicas importantes para viver bem: atividade física, ter amigos de  diferentes faixas etárias, fazer o que gosta e realizar diferentes atividades. "E claro, é preciso ter fé, pois isso segura a vida da gente", frisou.

Please reload

1/1

1/2

1/2

1/1

1/3

1/1

1/1

1/1

1/1

1/2

1/2

1/1

1/1

1/1

1/3

1/2

1/1

1/1

1/3

1/1

1/1

Rua Wagner Luiz Bevilacqua, nº 35, Bairro Guembê - CEP 13290-000 - Louveira - Estado de São Paulo - Contate-nos: (19) 3878-9420 

Horário de Funcionamento: De Segunda a Sexta-feira  das 09:00 às 17:00 horas

Copyright - Câmara Municipal de Louveira - Todos os direitos reservados